sexta-feira, 12 de abril de 2013

"Esta crise é cruel"

A frase saiu da boca de uma senhora que estava sentada, lado-a-lado, com a sua empregada fardada, à espera que as crianças saiam da escola. A senhora vai falando sobre a situação do marido. Será um investigador a quem a medida do ministro Gaspar de proibir novas despesas pode ter prejudicado.
A empregada fala do seu filho que tem um projecto que está a concurso numa instituição de ensino superior e que também terá ficado suspenso. "Não sei, com isto do ministro, se calhar já não há concurso...", lamenta.
"Esta crise é cruel", responde a senhora, repetindo a frase pausadamente, como se ela própria a estivesse a assimilar: "Esta crise é cruel."
BW

Sem comentários:

Publicar um comentário